Media Release

Nouryon assina acordo de fornecimento de longo prazo com Suzano que atenderá nova fábrica de celulose de eucalipto no Brasil

11 jan 2022 - News

A Nouryon assinou um acordo de 15 anos com a Suzano, líder mundial em produção de celulose de eucalipto. Neste acordo de longo prazo, a Nouryon utilizará seu sustentável Modelo de Fabricação Integrado para a nova fábrica de celulose de eucalipto da Suzano no município de Ribas do Rio Pardo, localizado no Estado do Mato Grosso do Sul.

O projeto, chamado de "Projeto Cerrado", é uma fábrica de celulose de US$ 2,8 bilhões com capacidade de produção anual de 2,55 milhões de toneladas por ano e um dos maiores investimentos do setor privado atualmente em desenvolvimento no Brasil. A produção da fábrica de celulose está prevista para começar no segundo semestre de 2024.

"Na Nouryon, estamos comprometidos em fornecer aos nossos clientes soluções inovadoras e sustentáveis, otimizando continuamente nossas próprias operações e pegada ambiental. Temos o prazer de reforçar nosso relacionamento de longo prazo com a Suzano à medida que eles embarcam neste investimento significativo para atender à crescente demanda mundial por produtos finais sustentáveis desenvolvidos a partir de materiais renováveis", disse Johan Landfors, Vice-Presidente Executivo e Presidente de Soluções Tecnológicas e Europa da Nouryon.

A Nouryon opera com sucesso seu Modelo de Fabricação Integrado no Brasil desde 2005, com quatro instalações em fábricas de celulose existentes, que apoiam a indústria de celulose em rápido crescimento no país. O conceito fornece à Suzano soluções locais sob medida para gerenciar matérias-primas essenciais necessárias na produção de celulose. A Nouryon investirá na instalação de uma unidade para a produção de peróxido de hidrogênio e outra de clorato de sódio no local, e construirá e venderá uma fábrica de dióxido de cloro e um pátio de tanques para Suzano. A Nouryon usará eletricidade renovável da nova fábrica de celulose da Suzano para produzir clorato de sódio. Além disso, o processo de produção gerará hidrogênio verde, que é usado para fabricar de forma sustentável peróxido de hidrogênio. Isso proporcionará importantes benefícios de sustentabilidade, à medida que as instalações no local reduzem o transporte de matérias-primas, melhorem a segurança geral e maximizem os recursos disponíveis.

"A Nouryon tem orgulho de firmar parceria com a Suzano neste importante projeto e crescer nosso negócio de Renewable Fibers na América do Sul – onde o mercado está crescendo quase o dobro da média global", disse Antonio Carlos Francisco, Vice-Presidente de Soluções Tecnológicas América do Sul da Nouryon. “Fornecer conjuntamente peróxido de hidrogênio e clorato de sódio na região fortalece nossa posição de liderança em produtos químicos especializados e reforça nosso compromisso de crescer com nossos clientes."

Leia mais sobre o trabalho da Nouryon na indústria de celulose, tissue e embalagens, sobre outros investimentos que a Nouryon fez para crescer com seus clientes e sobre nosso compromisso e contribuição para um futuro sustentável.

Para mais informações

G&A Comunicação
Priscila Fernandes - 15 99141 8124

Karen Feldman Cohen – 11 98296-9774